domingo, 29 de janeiro de 2017

Papéis de Parede, tendência na Decoração

Pintar as paredes para “repaginar” ambientes da sua casa sempre foi a alternativa mais comum, mas agora isso é coisa do passado.

 Diversas novas tendências firmam-se no mercado nos últimos anos e uma delas é o papel de parede. Esse estilo de decoração, que teve inicio nos anos 60, agora volta com tudo para dar muito mais charme e requinte a qualquer ambiente. Se utilizada nas cores certas pode proporcionar amplitude ou deixar os lugares mais descontraídos.
Além de ser extremamente versátil, combinando com qualquer decoração, o papel de parede também tem vida útil mais longa do que muitas tinturas, não faz sujeira e encobre bem imperfeições da parede.

Estes papéis de papéis ainda podem sair muito mais barato do que muitos pensam e são práticos e fáceis de manusear. A aplicação desse tipo de material é bem comum em salas de estar e quartos, mas também pode ser usada em cozinhas e até em banheiros.

 A dica é escolher uma parede única no ambiente e aplicar o papel para dar destaque a um ponto estratégico. Eles são encontrados em vários modelos, materiais, cores, estampas e texturas, mas a novidade fica mesmo por conta dos papéis 3D.
Com texturas em alto relevo, que mais parecem molduras na parede esse papel pode até imitar matérias como tijolinhos, mármore e madeira. Experimente e renove a decoração da sua casa com um simples toque nas paredes.

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Cimento Tupi ou Votoran ?


Nos fizemos uma pesquisa na Região do Alto Tiete SP, para saber o porque muitos Doutores da Obra, ( Pedreiros), preferem a Marca Tupi, e não a Marca Votoran.
Muitos dizem conhecer melhor a Marca Tupi, e alguns dizem que o cimento Tupi é mais forte devido a sua cor mais escura na massa, e a Marca Votoran a massa fica mais clara.
Tecnicamente as duas Marcas tem as mesmas qualidades exigidas pela pela lei de Qualidade.


O cimento Portland é chamado assim porque foi "inventado" em Portland, uma ilha no sul da Inglaterra onde se encontrava um tipo muito bom de pedra para construir chamada Portlandstone, que tem a mesma cor do cimento atual. O cimento Portland comum é composto de calcário,argila e minério de ferro ou bauxita queimados num forno, resultando num material chamado clínquer, que depois de resfriado e adicionado com gesso,são moídos e misturados para formar esse pó bem fino. Hoje misturam- se também outros materiais, chamados pelas indústrias de "adições" para dar características especiais ao cimento. Já se utiliza,misturado ao clínquer, escória de alto-forno, aquele pó bem fino do carvão mineral queimado,argila queimada e até o pó da casca de arroz, imagine! Essas adições tornam o concreto seco tão duro, que fica muito difícil penetrar água e estragar a estrutura. Esses pós bem finos que são adicionados ocupam o espaço entre as pedras do concreto, para não deixar vazios.

Cada fabricante possui um padrão de informações, apenas algumas são obrigatórias e devem constar no verso.A norma que rege os cimentos Portland é a NBR 5732/1991. Outros tipos de cimento possuem normas próprias
Os fabricantes reservam a parte de trás do saco para dar informações de uso e cuidados com o produto, como se fosse uma bula de remédio: 
» Como manipular o produto
» Perigo de inalação ou contato com os olhos e as mãos
» Tempo de cura desejável (quanto tempo deve umedecer o concreto)
» Forma correta de estocar
» Tempo recomendável de mistura
» Como aplicar o produto » Norma de conformidade 
» Composição do produto » Selo de Qualidade da Associação Brasileira de Cimento Portland
Fala-se que o cimento é um aglomerante, isto é, quando entra em contato com a água, endurece e toma a forma que a gente desejar, como pilares e vigas. Também é um "adesivo", ou seja, como argamassa colante, para assentar pedras e revestimentos, unir tijolos de alvenaria etc. O cimento é um material compatível com quase todos os materiais de construção, por isso é tão usado.



A Tupi foi fundada em 1949 sob a denominação de Companhia de Cimento Vale do Paraíba, com a produção de cimento a partir da unidade localizada em Volta Redonda-RJ.  Em 1976, outra unidade de produção foi inaugurada em Pedra do Sino – Carandaí – MG e a fábrica de Mogi das Cruzes – SP.  A marca atua mais focada no mercado do sudeste, mais especificamente nos estados do RJ, SP e MG.


A Votorantim, maior produtor de cimento do país, opera com seis marcas no Brasil, sendo a marca POTY direcionada ao nordeste, a ARATU, produzida e comercializada apenas por sua fábrica de Sergipe.  As marcas ITAÚ e TOCANTINS são, de um modo geral, mais direcionados ao Centro-Oeste do país a marca VOTORAN  direcionada ao Sul e o Sudeste. Operam também a marca RIBEIRÃO que era produzida (em agosto de 2015 a Votorantim suspendeu a produção) pela planta de Ribeirão Grande- SP,  planta que foi incorporada adquirida pela VOTORANTIM em 2006 (que já foi do Grupo João Santos, passando para o Grupo CP Cimento da família Koranyi Ribeiro e agora faz parte da Votorantim ). No Brasil o Grupo opera com 16 plantas de cimento, 10 moagens, 110 centrais de concreto, 28 unidades de agregados, oito unidades de argamassa.  O grupo ainda mantem uma participação de 51% na marca MIZU POLIMIX e a maioria do capital do cimento Itambé.

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Vantagens da Pintura Epóxi

A Pintura Epóxi é um revestimento de alta qualidade e espessura, normalmente variando de 180 a 300 microns conforme o número de aplicações e densidade da tinta utilizada.

A Pintura Epóxi é de rápida aplicação e cura. Sua utilização proporciona alta resistência suportando fluxo intenso de maquinários e pessoas em Pisos Industriais, além de facilidades na limpeza e manutenção.

A definição da especificação da Pintura Epóxi ocorre a partir do local da aplicação, atividades (tipo de uso), condições do piso industrial atual, entre outras características do ambiente.

Aplicação da Pintura Epóxi:

A Pintura Epóxi é Indicada para locais com tráfego médio a pesado e também em locais sujeitos a ataques químicos já que é um revestimento que oferece alta resistência, além de excelente acabamento, superfície lisa, resistente e impermeável.

A Pintura Epóxi é utilizada em setores como: indústria e comércio no geral, laboratórios, depósitos, Pisos de Concreto, garagens, etc.

Vantagens da Pintura Epóxi:
 - Resistência a variações de temperatura;
 - Resistência mecânica e abrasiva;
 - Qualidade no acabamento;

 - Facilidade para limpeza e manutenção. 

sábado, 4 de julho de 2015

Para não conviver com o cheiro de esgoto

Medidas simples podem detectar se os equipamentos que vedam o odor desagradável estão com problema.


O cheiro de esgoto incomoda o ser humano em qualquer lugar. Mas quando o odor está presente dentro da residência, o problema se torna ainda maior. E tudo isso pode ocorrer por erros na construção ou até mesmo por defeitos em alguns equipamentos da rede hidráulica.
Em muitas situações não é necessária a quebra de paredes ou pisos para detectar o problema, basta verificar algumas peças, como sifão, caixa sifonada e o anel de vedação no vaso sanitário.
 A origem do problema
Defeitos em equipamentos hidráulicos e a má instalação de peças que vedam a passagem dos gases formados na rede de esgoto contribuem para que o odor desagradável esteja presente dentro dos imóveis.
Segundo o diretor geral da GTRES Metais Sanitários, Ricardo Granja, as causas mais prováveis de mau cheiro são problemas relacionados aos ralos, sifões e vaso sanitário. “Esses equipamentos devem levar a água e dejetos das atividades cotidianas para o esgoto. Porém, quando apresentam problemas fazem com que o odor dessas impurezas retorne ao ambiente”, diz.
 Como identificar?
Segundo Ricardo Granja, a identificação do problema pode ser fácil, mas em alguns casos é preciso ter o auxílio de um especialista. “Nem sempre os problemas serão visíveis externamente, mas, muitas vezes, é possível observá-los com facilidade. É importante que se faça uma conexão entre o uso dos equipamentos e a origem do mau cheiro para detectar as reais causas. Porém, recomendo sempre contar com a ajuda de um especialista para evitar ‘quebrar’ os cômodos desnecessariamente”, fala.
O especialista ensina como verificar se a instalação está correta: “No sifão, basta olhar se ele não está reto, e possui um copo fixo moldado junto a ele. Com relação aos ralos, uma vistoria mais atenta detectará a existência de algum entupimento ou vazamento. Caso o mau cheiro venha das caixas sifonadas, neste caso, sim, o acompanhamento de algum técnico será necessário”.
Em apartamentos, Granja esclarece: “se o problema for o entupimento da rede, é necessário identificar se o mesmo é somente no apartamento ou no prédio, uma situação que requer maior atenção”.
 Medidas preventivas
Para não correr o risco de conviver com o cheiro de esgoto, Ricardo Granja orienta comprar materiais de qualidade e verificar com frequência a instalação dos equipamentos.
“Manter o ralo fechado e limpo, assim como vistoriar se nada obstrui os sifões, pode ser uma solução viável”, finaliza.


Fonte:http://jornaldotrem.com.br/